Buscar
  • RODÃOONLINE

HOJE É DIA DO TRABALHADOR, NÃO DO TRABALHO!


Neste ano, o 1º de Maio é dia de luto pelos que morreram lutando, por mais de 650 mil mortos pela COVID, a esmagadora maioria trabalhadores; é dia de celebração por estarmos vivos e pelo que já conquistamos, mas, principalmente é dia de luta, pelo que precisamos resgatar e conquistar.

Nas últimas décadas é o pior 1o maio do povo brasileiro, especialmente da classe trabalhadora. São 16,7 milhões de desempregados, 27,3 milhões de subempregados e precarizados. Isso leva a fome e imenso sacrifício a mais de 100 milhões de pessoas.

A inflação, só nos últimos 12 meses saltou para 11,3 %. Mas o castigo para os pobres é ainda maior: a cesta básica subiu 21,46% no mesmo período.

Em análise feita pelo Dieese, de 231 categorias profissionais com data-base em março, 51,9% tiveram reajuste abaixo da inflação (INPC-IBGE).

ESTAMOS VIVOS E LUTANDO

Entre nós, ainda temos centenas de companheiros demitidos e a grande maioria ainda não recebeu nem metade de seus direitos.

Mas, nada disso nos faz desistir.

Nossa luta contra o golpe das RJs não terminou e estamos retomando nossas históricas lutas na campanha salarial, onde nossa data-base é hoje, 1o de maio.

Nossos parabéns a toda categoria pelo nosso dia.

Chamamos toda categoria para a NOSSA LUTA contra a exploração dos patrões, que políticos oportunistas e a mídia vendida apoiam e auxiliam, além da conivência de um judiciário a serviço do grande capital.

Repetimos: nada disso nos faz desistir.

Viva o 1º de maio!

Viva a classe trabalhadora em todo o mundo!

SINTRATURB: SINDICATO DE LUTA

7 visualizações1 comentário