Buscar
  • RODÃOONLINE

PATRÕES QUEREM DIVIDIR CATEGORIA: AGORA É CONFRONTO!


Como já falamos há semanas, os patrões querem DIVIDIR NOSSA CATEGORIA. Insistem que as negociações sejam divididas, sendo uma mesa e calendário para a MUNICIPAL FLORIANÓPOLIS, e outra mesa e calendário para a METROPOLITANA. Tentaram estabelecer esses dois calendários, tendo a primeira negociação da municipal já na próxima sexta, dia 06 de maio.


Nem vamos perder tempo relatando todo o “velho discurso deles”. Dizem que a situação do transporte metropolitano é completamente diferente de Florianópolis, que as empresas estão praticamente quebradas, que não tem concessão e nem subsídio, que não podem ter as mesmas despesas que as empresas de Florianópolis e blá blá blá .....

NOSSA RESPOSTA

Deixamos claro que isso é inadmissível. Além todos os ataques que sofremos, de descumprirem acordos, de demitirem e não pagarem, agora querem nos dividir, querem condições diferentes.


Nem ouvimos qualquer proposta, mas, certamente virão com: jornadas e intervalos diferentes, sem cobradores/AGENTE DE BORDO, valor de tíquetes e salários diferentes, entre outras sacanagens.


Era só o que faltava, dividir a categoria, enfraquecer o sindicato e nossa organização política e sindical. Mostramos toda a dificuldade de quem já perdeu 22% do salário e quase 40% do valor do tíquete, de quem está sem receber PL desde novembro de 2019.


Deixamos claro que não abandonamos a questão dos cobradores, que não temos mais absolutamente nada para conceder, para abrir mão. Especialmente não abrimos mão de NOSSA UNIDADE, de ter SOMENTE UMA CCT, tratando toda a categoria de forma igual.


A crise não atinge todos de forma igual. Quem é mais frágil, quem não tem lei que permite dar calote, perde e sofre muito mais.

PRESENÇA IMPORTANTE DA PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS

A grande novidade do dia foi a presença do Secretário de Mobilidade e Planejamento Urbano, Michel Mittmann. Como informamos ontem, solicitamos a presença da prefeitura na mesa e o Prefeito Topázio Neto disse que o Secretário era o seu representante direto.


O senhor Michel fez várias falas importantes, mas, o principal é que assumiu o compromisso de levar ao Prefeito a complexidade do problema, solicitando que ele procure os demais prefeitos da região e o Governador do Estado, em busca de uma posição única do Poder Público, no sentido de fazer os investimentos necessários no transporte, garantindo os direitos de trabalhadores e usuários.

CONCLUSÃO

Como já era previsto, os patrões querem continuar se aproveitando do momento para nos dividir e enfraquecer ainda mais. De nossa parte colocamos as coisas em seu devido lugar, inclusive ao Poder Público. Não provocamos crise alguma, não temos nada a ver com as diferenças entre os patrões e seus lucros, mas, somos os grandes prejudicados. BASTA!

SINTRATURB: SINDICATO DE LUTA

164 visualizações0 comentário